Todo mundo, na infância, já deve ter ouvido aquela expressão: “O que você quer ser quando crescer?”. É difícil encontrar crianças que respondam algo como “quero ser escritor!”. Essa é uma profissão que costuma ser descoberta quando já estamos crescidos, muitas vezes na adolescência, quando sentimos a necessidade de expressar nossos sentimentos.

Conforme crescemos, descobrimos que a escrita tem muitas formas de ser. Literária, jornalística, poética, acadêmica. Um redator pode trabalhar também com textos para publicidade e marketing, redes sociais, sites e blogs. Há uma infinidade de opções.

Alguns escritores ficam satisfeitos com o anonimato, pois apenas desejam garantir o pão de cada dia por meio da escrita. Outros, além disso, querem ter seu trabalho reconhecido por determinado público. Contudo, há uma grande dificuldade para escritores no Brasil: o índice de leitores no país é baixíssimo. Tanto em relação a livros, quanto a artigos na internet.

 

Literatura

 

De acordo com a quarta e última pesquisa “Retratos da Leitura no Brasil”, de 2015, apenas 56% da população brasileira é considerada leitora, tendo em vista diversos tipos de texto. No entanto, esse número é ainda menor se analisarmos as informações com mais profundidade.

O critério para alguém ser considerado leitor no Brasil é que o indivíduo tenha lido pelo menos um livro, ou partes de livros, em um período de três meses – no caso do relatório citado, nos três meses que antecedem a pesquisa. Isso significa que, para ser enquadrado nesses dados, não é preciso ter lido nem um livro inteiro em um trimestre.

 

Web leitores

 

Dedicar-se à leitura por meio da internet é ainda mais raro. Com uma infinidade de informações à disposição, muitos leitores percorrem as timelines lendo apenas títulos e manchetes. Talvez por isso muitas fake news sejam amplamente divulgadas.

Por esses e outros motivos, para se destacar como escritor no Brasil, é preciso muita dedicação, originalidade, ótima escrita e bons conteúdos. Para ajudá-lo nesse processo, separamos algumas dicas!

 

Descubra o seu lugar e se aposse dele

 

Já ouviu aquela expressão “atirando para todos os lados”? Pois é, dificilmente isso dá certo. Se quiser bons resultados, precisará descobrir qual é o seu lugar, qual papel consegue desempenhar melhor e o que faz você sentir realizado.

Descobrindo isso, especialize-se! Torne-se realmente bom no que faz. Se a sua produção tiver qualidade, você conquistará espaço e não precisará ficar competindo o tempo todo por trabalhos menores do que aqueles que você realmente almeja.

 

Acompanhe as mudanças

 

Estude, estude, estude muito! Atualmente, em qualquer área de trabalho, é preciso acompanhar as evoluções ou até estar à frente delas. Por exemplo, se você é um escritor de livros, precisa conhecer o perfil dos leitores que deseja alcançar. Além disso, é importante acompanhar as mudanças tecnológicas que influenciam seu campo de atuação.

Um escritor de textos literários não precisa mais se limitar a publicações impressas de seus livros, que demandam mais tempo e dinheiro. Hoje, é possível lançar livros online, chamados de livros digitais ou ebooks.

Já redatores de artigos por encomenda ou de textos para publicidade, websites, blogs e redes sociais, precisam conhecer inúmeros processos como otimização de conteúdo, SEO, posicionamento digital, etc. Entre um redator que faz um bom texto e um redator que consegue fazer com que esse texto seja encontrado na internet, ou seja, fique bem posicionado, este último tende a ser o escolhido.

 

Originalidade

 

Esse é um fator importantíssimo para quem deseja se destacar escrevendo. Leia bastante para se inspirar, mas não queira copiar ninguém. Se você quer ser reconhecido por seu trabalho, precisa desenvolver seu próprio estilo e personalidade. Precisa deixar a sua marca.

Talvez a parte mais difícil seja fazer com que o conteúdo que você produz chegue aos leitores. Mas a partir do momento que isso acontece, se houver qualidade, originalidade e uma boa escrita, há uma grande chance de você começar a ter leitores fiéis. É preciso escrever de forma que o leitor se sinta tocado.

Essas foram apenas dicas básicas para que você possa se destacar escrevendo. Em um país de poucos leitores, é um desafio se colocar bem no mercado. Mas quem não gosta de vencer desafios? Com certeza, você tem capacidade para isso!

E se precisar de ajuda para produzir um conteúdo de qualidade, conte com a equipe da Mundo Escrito! A empresa oferece serviços de digitação profissional, revisão, formatação de texto, transcrição de áudio e outros.

É importante continuar se aperfeiçoando na arte de escrever. Submeter seu trabalho à revisão profissional ajudará a garantir a qualidade de seus textos. Clique aqui para saber mais sobre os “Elementos essenciais de uma boa escrita”. E se quiser fazer um orçamento, é só falar com a gente.

P.S: Cadastre seu email no formulário abaixo para ser avisado sempre que postarmos um novo artigo:

 

Receber atualizações do nosso Blog?

Deixe seu e-mail abaixo:

 

Torne isto mais acessível.