Há quem realmente acredite que copiar o texto de um autor é plágio, mas de vários é monografia. Felizmente, nós sabemos que uma pesquisa considerável e comprometida não se faz digitando palavras-chave no Google e utilizando os comandos Ctrl + C” e “Ctrl + V”. Para existir um bom trabalho é necessário que haja originalidade. Por isso, nós selecionamos 4 dicas de ouro que te ajudarão na construção de suas pesquisas.

Focar o pensamento no assunto em questão, inteirar-se sobre ele, formar pontos de vista e concluir a pesquisa com uma boa argumentação são os passos que te ajudarão nessa jornada. Conheça-os detalhadamente a seguir.

 

Passo 1. Direcione sua atenção

 

O Google é, sem dúvida, uma grande ferramenta de pesquisa e será essencial nesse processo, mas o primeiro passo a ser dado, antes de tudo, é focar o pensamento no assunto em questão. Isso abre portas para o apanhado de dados.

Por exemplo: se deseja trocar seu carro por um novo modelo, verá que, naturalmente, uma maior quantidade do seu veículo de desejo circulará pelas ruas. Você poderá até pensar que houve um aumento desses carros na cidade, mas, na verdade, isso ocorreu porque a sua atenção estava focada no assunto, você ficou atento a cada carro que cruzou o seu caminho.

Dessa forma, quando estamos com o pensamento focado, há mais chances de colher dados e processar informações que nos interessam.

 

Passo 2. Selecione os dados

 

É verdade que por meio do Google, e de outros grandes motores de busca da internet, é possível encontrar preciosas informações em blogs (incluindo os comentários dos posts), artigos, ebooks, entre outros materiais. Então, o segundo passo é ler bastante sobre o assunto.

Informe-se acerca de quem são os especialistas mais destacados na área e então busque seus textos e materiais. Há sempre mais de um especialista e entre eles pode existir divergência de ideias. Então, analise seus pontos de vista, observando o que há em comum e o que difere.

 

Passo 3. Assuma um posicionamento

 

Quanto mais você se inteirar sobre as informações oriundas dos autores de peso relacionados ao assunto da sua pesquisa, assim como também das suas diferenças de pensamento, mais você estará preparado para o terceiro passocomeçar a formar o seu ponto de vista.

O seu ponto de vista é o que realmente interessa para quem vai ler o seu trabalho. Ele quer ver o que você apresenta de solução a partir do assunto, ou seja, o que você propõe de diferente.

 

Passo 4. Argumente

 

Como quarto passo, durante a redação, faça uma boa argumentação e deixe clara a sua compreensão acerca do assunto. Para isso, confronte os autores e exponha tudo aquilo que você considera importante: conceitos segundo os autores, suas diferenças e confluências.

Dessa forma, quando alguém avaliar a sua produção, encontrará algo genuinamente seu, resultando, assim, em uma contribuição relevante para o assunto em questão.

Talvez seja do seu interesse: oferecemos serviços de apoio à escrita. Dentre eles, a revisão textual, a formatação, a transcrição de áudios e a digitação.

Após a sua pesquisa, se precisar de nosso apoio em quaisquer serviços acima, fique à vontade para contatar-nos. Teremos prazer em atendê-lo!

 

P.S: Cadastre seu email no formulário abaixo para ser avisado sempre que postarmos um novo artigo:

 

Receber atualizações do nosso Blog?

Deixe seu e-mail abaixo:

 

Torne isto mais acessível.